13º Jet Waves World Championship 2011    >

 

 

Jet Waves 2011 - um Freeride de final feliz



25/10/2011

Gaúcho é campeão do Jet Waves 2011
- “O dia em que Tiago Geitens venceu a A. Lenzi e a Pierre Maixent”! -

 

Foto e Texto: Mauricio A. Brandão

Tiago Geitens venceu a última etapa do Campeonato Mundial de Jet Ski nas ondas – Jet Waves –, no domingo, 23 de outubro de 2011, em Piçarras, Santa Catarina. Venceu A. Lenzi, na semifinal, e ao Campeão Mundial, o francês Pierre Maixent, em uma final eletrizante; com o segundo lugar, o francês tornou-se pentacampeão mundial. 

TIAGO GEITENS
Tiago Geitens

Ano passado, em uma etapa do Jet Waves Brasil 2010 realizada em Florianópolis, Santa Catarina, Tiago Geitens venceu e nesse dia escrevemos o destaque: “O Dia que Tiago Geitens venceu a A. Lenzi”. O multicampeão catarinense é uma lenda do jet ski nacional, até então sem rivais desde a aposentadoria precoce de Ivo Sehn. Hoje, um ano e pouco depois, voltamos a escrever o mesmo destaque com um nome a mais: “O dia em que Tiago Geitens venceu a A. Lenzi e a Pierre Maixent”!

TIAGO GEITENS
Tiago Geitens

O “Top Star”, como ele é chamado pelos amigos do circuito mundial, é um garoto carismático, dono de um estilo radical de freeride, rápido, com batidas fortes, e ainda, como nos disse o próprio Pierre Maixent , muito semelhante ao seu. Brincalhão, o gaúcho, era apontado até o ano passado como uma das maiores promessas do freeride brasileiro, agora a promessa virou realidade !

A última etapa do Campeonato Mundial de jet ski nas ondas - IFWA Freeride World Championship 2011 –, começou no dia 21 de outubro de 2011, na acolhedora Piçarras, com as baterias classificatórias.


Piçarras, cidade onde vive Lenzi, ídolo na cidade, está localizada no litoral catarinense, muito perto do Balneário Camboriú e da maior cidade do Estado de Santa Catarina, Joinville. O catarinense venceu as duas últimas edições do Jet Waves, 2009 e 2010, e queria continuar a sequencia. Ano passado ele deixara a todos boquiaberto com um backflip duplo na final contra o francês Maixent, conseguindo uma vitória sem contestações. Este ano, para demonstrar que estava preparado para mais uma vitória, apresentou uma manobra incrivelmente bem executada – um barrela roll muito alto e perfeito – e venceu o “Best Jump”, competição paralela realizada antes das semifinais de domingo em que vence o que apresentar a melhor manobra de salto. Mas a história nem sempre se repete.

A. Lenzi
A. Lenzi - multicampeão e uma verdadeira lenda do jet ski nacional

Após a sexta-feira em que foram realizadas as baterias classificatórias e os pilotos de vários lugares do Brasil e do Mundo se reencontraram, o sábado era esperado com ansiedade, o Jet Waves iria começar para valer !

André Martins
André Martins - sempre surfando muito !

A categoria Amadora começou e alguns pilotos mostravam a progressão do seu freeride. André Martins mostrava consistência em seu surfe superior; André Silveira, já apresentava manobras de nível da Pro; Everardo Júnior, conhecido como um bom piloto, executava um freeride excelente, e o sul-africano Jake Montan, pela primeira vez no Brasil, mostrava de onde viera, retornando o nome de seu país ao alto do freeride mundial.

JAKE MONTANDON
Jake Montandon - Campeão na categoria AMA e 3º colocado na PRO - a revelação do Freeride em 2011

Na tarde de sábado rolaram as primeiras baterias eliminatórias e algumas surpresas. O freeride baiano Bruno Jacob, até então quarto colocado no campeonato mundial, teve dificuldades de se adaptar ao seu novo equipamento e foi eliminado nas baterias com Everardo Júnior e com o americano Zack. Outro catarinense, com histórico de bons resultados, Leandro Vieira, também acabou eliminado. O carioca Antonio Farias também não conseguiu executar o seu bom freeride e foi eliminado. A competição estava acirrada, um pouco de sorte ou azar podia decidir uma bateria. O argentino Herman Molina, com uma queda em uma manobra torceu o pé e foi obrigado a desistir da competição.

Tiago Geitens mantinha-se alegre com todos, mas estava estranhamente concentrado, nunca o vimos tão focado. Lenzi e Pierre, as altas estrelas do circuito, apresentavam o freeride que encanta a todos.

PIERRE MAIXENT
Pierre Maixent - Pentacampeão Mundial

Baterias para e pra lá. Todos os derrotados nas baterias iniciais ainda voltaram a competir nas baterias de repescagem ou última chance, em que um dos que perderam classificava-se para as quartas-de-final. O dia de sábado terminava e deixava um gostinho de “quero-mais” para o domingo.

André Silveira
André Silveira mostrou a evolução de seu freeride

Como nos últimos anos, a noite de sábado traz o “algo-mais” do Jet Waves. No começo da noite, um verdadeiro show no rio que corta a cidade. Vários pilotos se apresentando no rio, saltando em meio a arcos de fogo. Lenzi e sua filha saltaram de um helicóptero para o delírio da multidão que encheu todas as laterais do rio e a ponte. O garoto de onze anos, Davi Prado, encantou com seu jeito simpático e suas manobras de freestyle e finalmente o experiente Salvador Tomirotti, o Toco, apresentou trechos do show de jet ski que costuma realizar pelo mundo, como pilotar o jet ski com uma roupa especial em fogo.

Toco
Toco apresentando trechos de seu show com jet ski no rio

A noite, o momento concorrido. A casa noturna Bali Hali recebeu mais uma vez as belas catarinenses para mais uma edição do “Garota Jet Waves”. Foram 15 candidatas, bonitas garotas de Piçarras e das cidades vizinhas. A escolhida como a Garota Jet Waves 2011 foi uma garota muitoooo bonita de Joinville.

Jet Waves Girl
A escolhida como Garota Jet Waves 2011


O domingo começou com Netuno sorrindo. O sol brilhava, o céu azul, sem nuvens e boas ondas de dois metros, o dia perfeito dos melhores freeriders.

Na categoria Amador a final foi disputada por Jake Montandon e Everardo Júnior. Foram minutos de muita emoção e torcida. Everardo desceu uma onda que foi considerada a “rainha do dia”, uma morra de mais de dois metros e mostrou a grande evolução do seu freeride. O sul-africano, por sua vez, demonstrou que é da terra do lendário Jimbo Visser, andou muito bem, um freeride de grande competência. Apesar da pontuação muito justa, Jake mereceu e foi campeão.

EVERARDO
Everardo Júnior - surpreendeu no fim de semana

A disputa pelo terceiro lugar rolou entre André Martins e André Silveira. O primeiro, um catarinense de Tubarão bom de surfe; o segundo, um gaúcho progredindo ano a ano. A disputa foi igual, mas o excelente surfe de Martins fez com subisse ao pódio em terceiro lugar.

JAKE
Jake Montandon - Campeão na categoria AMA

Na categoria Open a competição foi feroz. Pilotos excelentes disputaram as quarta-de-final. Pierre Maixent, Lenzi e Tiago classificaram-se diretamente para as baterias semifinais. Jake, Zack e Everardo disputaram a última vaga com apresentações individuais de quatro minutos - Jake levou a melhor.

Logo depois do Jet Jump, a tarde de domingo trouxe duas baterias inesquecíveis.

Pierre Maixent deve que mostrar porque é campeão mundial frente a Jake. O sul-africano já estava cansado, pois estava disputando as duas categorias – AMA e Open –, também torcera o pé e pilotou enfaixado, mas andou forte e deu muito trabalho ao francês, que só venceu porque realmente é muito bom !

Pierre
Pierre Maixent - Campeão Mundial de Freeride

Logo em seguida, mais uma disputa do sul. O gaúcho Tiago Geitens e o catarinense Alexandre Lenzi. Foi inacreditável. Quem acompanha o circuito mundial há alguns anos poucas vezes viu uma bateria tão disputada. Os dois apresentaram manobras aéreas de excelente execução. Lenzi voava alto, mas Tiago respondia a altura. A diferença foi no surfe, o catarinense surfou bem, matou algumas ondas até a areia, mas o garoto gaúcho estava endiabrado, surfou como nunca ou como poucos. Apesar do apoio de todo o público local presente, quando o resultado saiu a torcida vibrou muito. Nos boxes toda a família exultava. Os amigos aplaudiram contentes, com força, ele mereceu.

Tiago
Tiago Geitens

Mas o dia não terminara. Ainda faltava a grande final. Dois amigos, o mesmo estilo, uma bateria final. Dez minutos extremamente disputados. Pierre voava muito alto, que freeride !!! Tiago executando os saltos com grande competência. A sequencia de back-flip, tunos, e barrel-roll foi enorme. Uma manobra mais ousada que a outra. O difícil para todos era para quem olhar, pois os dois eram verdadeiros filhos de Netuno a bordo de seus jet ski. Enfim, os dois andaram demais e a decisão ficou nas mãos dos juízes.

Tiago
Tiago Geitens - o gaúcho venceu o Jet Waves 2011

Aproximadamente meia hora depois do final da bateria, o público, a imprensa e os pilotos concentravam-se em frente ao pódio ansiosos. Ninguém sabia quem ganhara, a disputa foi de um equilíbrio muito grande e só o olhar experiente dos juízes poderia decidir.

Quando o resultado foi anunciado por “Tchello” Brandão, organizador do Jet Waves, a reação de Pierre demonstrou que sabe ser campeão mundial, abraçou a Tiago, reconheceu o resultado e elogiou a qualidade do amigo. Tiago Geitens vibrou muito com os amigos, pagou promessa, e caiu nos braços da galera.

 

Foi um freeride de “final feliz”.

Um fim de semana perfeito. Os organizadores da etapa francesa e americana, respectivamente, Jacques e Caroline, elogiavam a organização, o trabalho perfeito da equipe de resgate, e das equipes de apoio. O público assistiu a um freeride de alta qualidade e mais uma tour mundial terminou com o esporte radical de jet ski subindo ainda mais no conceito da imprensa e de seus fãs.

 


A classificação final do Campeonato Brasileiro de Jet Waves2010 ficou assim:
1. Tiago Geitens, Canoas (RS), 69 pontos,
2. André Silveira, Porto Alegre (RS), 42 e
3. Alexandre Buneder, Porto Alegre, 40 pontos.

O título da categoria Amador da terceira etapa do 13º Jet Waves World Championship ficou com Jack Montandon, da África do Sul, seguido por Everardo Júnior e na terceira colocação ficou André Martins, ambos de Santa Catarina.

Os campeões do 13º Jet Waves World Championship foram os seguintes :
1. Pierre Maixent (França), 55 pontos,
2. Ross Champion (Estados Unidos), 43,
3. Zach Bright (Estados Unidos), 41,
4. Tiago Geitens (Brasil), 40,
5. Bruno Jacob (Brasil), 31 pontos.

Vejam os resultados completos do Campeonato Mundial em www.ifwa.com.br


Os vencedores da terceira e última etapa do 13º Jet Waves World Championship, na categoria Open foram os seguintes:
1. Tiago Geitens,
2. Pierre Maixent e
3. Jack Montandon


O 13º Jet Waves World Championship teve a organização da Federação de Esportes Radicais (FER).
A supervisão da International FreeRide WaterCraft Association (IFWA).
O apoio foi do Governo de Santa Catarina, Prefeitura Municipal do Balneário Piçarras, Triefe Promoções, Pronautica, BaliHai, Revista Náutica e Bad Boy.

 

GALERIA DE FOTOS DO JET WAVES 2011

7º Freeride IFWA Tour 2011 - 3º round - Brasil - JET WAVES 2011
 
photos album 1 - sexta-feira
  photos album 2 - sábado
 
photos album 3 - river show
 
photos album 4 - jetwaves girl
 
photos album 5 - domingos
 
photos album 6 - domingo

* mais de 2500 fotos

 

 

 


 


 
   
© Copyright 2006
 
IFWA ProNautica Gran Hotel Stella Maris Wamiltons Federação de Esportes Radicais FEDERAÇÃO DE ESPORTES RADICAIS - FER Sol Express Jacob Adventure ProNautica